›› NOTÍCIAS - CASA DE NHOZINHO
[+] notícias - NHOZINHO

LIVRO, RODA DE CONVERSA E VÍDEO SOBRE BUMBA-MEU-BOI NA CASA DE NHOZINHO - 26.10.2011 às 13:47:43

Por: José de Mário Moraes Ferreira

Uma ampla programação em torno da temática do bumba-meu-boi movimenta a quinta-feira (27/10) na Galeria do Cofo, térreo Casa de Nhozinho (Rua Portugal, 185, Praia Grande), órgão da Superintendência de Cultura Popular da secretaria de estado da Cultura, com lançamento de livro, exibição de vídeo e roda de conversa, a partir das 19h.

A programação abre com uma roda de conversa coordenada pela jornalista e cientista social Isaurina Nunes, técnica do Iphan/MA, seguida da projeção do vídeo ‘Bumba-boi: festa e devoção no brinquedo do Maranhão’ uma das principais peças do dossiê do Bumba-meu-boi enviada para o Conselho Consultivo do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional-Iphan, na reunião de 30 de agosto de 2011, que aprovou o pedido de registro do Complexo Cultural do Bumba-meu-boi do Maranhão como Patrimônio Cultural do Brasil, mostrando os vários aspectos do bem cultural: histórico, místico-religioso, festivo, lúdico e estético. Esta e outras rodas de conversas objetivam socializar com a sociedade e comunidade boieira o que título representa para o Maranhão.

Seguida a roda de conversa, às 20 horas a programação terá o lançamento do livro A Graça de Contar: Um Pai Francisco no bumba-meu-boi do Maranhão, de autoria da pesquisadora Luciana Gonçalves de Carvalho, uma edição da Aeroplano Editora, Coleção Circuitos da Cultura Popular, organizado por Maria Laura Cavalcante. O lançamento do livro terá ainda roda de conversa com a autora e a presença de Herbeth Mafra Viana, seu Betinho, Pai Francisco de Bumba-meu-boi, que brinca boi desde os 18 anos. Além de Palhaceiro, seu Betinho é autor de comédias de Bumba-meu-boi.

O livro
Resultado da tese de Luciana Gonçalves de Carvalho, defendida na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), faz uma analise da trajetória do Pai Francisco de um boi do sotaque de Zabumba, Herbert de Mafra Reis, “Seu Betinho”, e do seu modo de contar e interpretar histórias, no cenário do bumba-meu-boi. As histórias narradas fazem parte do repertório do denominado “auto do boi”, em torno do conhecido relato mítico vivido por um escravo que pretende saciar o desejo da esposa grávida.

Viajando entre São Luis e o interior do Maranhão, Luciana Carvalho, descobriu a existência de outras histórias ou palhaçadas igualmente importantes e menos conhecidas, desempenhadas por personagens cômicos. São as matanças, comédias, palhaçadas, doidices e outras com que Luciana alargou os horizontes da pesquisa e descobriu uma multiplicidade de formas de atualização em um repertório narrativo, diversificado.

A autora se debruçou sobre a história de vida de seu Betinho, um excelente e cativante narrador, que atuou em comédias no papel de Catirina e depois no papel de Pai Francisco no Boi de Lauro, no Boi da Fé em Deus de Laurentinho e Teresinha Jansen e retornando, em 2007, ao Boi da Vila Ivar Saldanha.

Os cadernos de anotações e as conversas com seu Betinho integram-se em um texto composto a duas e a quatro mãos, em um desafio à construção da etnografia semelhante ao que ocorre nos processos de criação das histórias do bumba-meu-boi maranhense e na perspectiva pós-moderna que considera o pesquisador e o nativo como autores de representações culturais.

Em diversas passagens o texto da autora constitui uma importante fonte de revisão da literatura no campo das ciências sociais em torno das relações entre pesquisadores e pesquisados, do uso das histórias de vida, dos relatos orais e das relações entre memória individual e memória coletiva. Trata-se de etnografia inovadora, tanto do ponto de vista da metodologia da pesquisa como dos resultados alcançados, pois a história de vida de seu Betinho revela como que, em resumo, os processos sociais vivenciados no contexto do bumba-meu-boi do Maranhão.

Serviço
Lançamento do livro: A Graça de Contar: Um Pai Francisco no bumba meu boi
do Maranhão, de Luciana Gonçalves de Carvalho
Vídeo e Roda de Conversa sobre tema do Bumba-meu-Boi
Galeria do Cofo- Casa de Nhozinho-Rua Portugal 185-Praia Grande
Quinta-feira – 27 de outubro às 19h
Entrada Franca


Texto: Mario Ferreira (Ascom.Secma)
Foto: Arte Convite Divulgação

OUTRAS NOTÍCIAS - CASA DE NHOZINHO

Governo promove programação diversificada para as crianças - 14.10.2016

Governo se reúne com a classe cinematográfica maranhense - 14.10.2015

Casa de nhozinho promove arraial com lançamento de livro - 23.06.2015

Livros sobre o bumba meu boiserão lançados em são luís e mirinzal - 13.08.2014

[+] notícias - NHOZINHO
SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA DO MARANHÃO - 2022 | Rua Portugal, 303 - Centro São Luís - MA | Tel.: (098) 3218-9910 ou (098) 3221-9617